Como enviar curriculum e ser selecionado para entrevista

 

 

Garantir que ao enviar curriculum este venha a corresponder ao interesse que lhe foi stá solicitado é a chave para o sucesso durante a procura de emprego.

No entanto, não há dois trabalhos idênticos, portanto, é improvável que o seu currículum se qualifique a cada vaga.

Se você quiser garantir uma alta taxa de resposta dos envios que faz, vale a pena adaptá-lo conforme a necessidade de cada empresa.

Fazer algumas alterações antes de cada envio do seu curriculum pode levar um pouco mais de tempo, mas aumentará muito as suas chances de conseguir uma entrevista.

Em última análise, é melhor fazer um envio cuidadosamente planejado, do que fazer 10 e não obter nenhuma resposta.

Dicas para enviar curriculum e ser selecionado para entrevista

1 – Comece com uma estrutura flexível

Para adaptar o seu curriculum de maneira rápida e fácil, você precisa começar com uma base que sirva para qualquer cargo.

Isso servirá como um CV que seja bom o suficiente para se candidatar à maioria dos trabalhos do seu interesse, mas pode ser ajustado em alguns minutos quando necessário.

Você sempre deve começar pesquisando suas funções gerais e criando um curriculum que destaque as suas habilidades e seus conhecimentos essenciais em seu nicho.

Usar uma estrutura que divide o texto em parágrafos curtos e pontos de marcação facilita muito as edições para você quando se trata de personalizá-lo.

2 – Estude as exigências de todos os anúncios das vagas

Um erro que você pode estar cometendo é ler o título do trabalho de um anúncio da vaga, presumir que ele seja esteja dentro dos seus ajustes e disparar para enviar seu curriculum sem sequer ler a especificação na íntegra.

 

Embora seja justo supor que você será um pouco qualificado para a maioria dos trabalhos em seu nicho, o curriculum que você escreveu ainda pode não refletir todas as necessidades para cada vaga única que você se candidatar.

3 – Mostre suas habilidades relevantes

Se você possui uma habilidade atraente para uma determinada empresa, não as esconda na parte inferior do seu curriculum. Destaque-as!

4 – Acrescente o importante, tire o irrelevante

Se um gestor de RH não vir as qualidades necessárias no seu curriculum, provavelmente ele não ligará para você.

Se um anúncio de emprego está pedindo habilidades que você possui, mas você não as incluir no CV, então você precisa acrescentá-las.

Da mesma forma, se um requisito parece crucial para um cargo e você apenas o citou, você deve expandi-lo para mostrar sua experiência.

5 – Não tire muitas informãções

Tenha cuidado para não exagerar na informação que você tira do seu curriculum, ou você se arrisca a fazer mais mal do que bem.

Tente não remover:

  • Funções – Especialmente se elas são em longos períodos de tempo, pois você criará lacunas desnecessárias em seu curriculum.

Você pode remover uma função totalmente irrelevante se ele durou apenas um mês ou dois, mas caso foi por mais tempo, então, encurte-o.

  • Habilidades básicas do setor – Ao tentar criar espaço para requisitos incomuns, não sacrifique as habilidades essenciais que você tem.

Mesmo que você sinta que essas habilidades estão implícitas devido ao seu histórico de trabalho, o gestor de RH pode não ter observado com muita atenção.

Finalizando, você deve sempre começar a editar a partir do seu curriculum base, em vez de começar com um novo ou aquele previamente adaptado, ou você vai acabar com um curriculum desordenado depois de fazer alguns envios.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *